sábado, 2 de julho de 2011

Musicalização e dramatização

Sem dúvida esta foi a música que os alunos mais gostaram.
Além da música, eles realizaram a dramatização a partir da mesma e apresentaram
aos colegas. Teve grupo que quis apresentar-se duas vezes e se deixasse,
apresentavam muito mais.
CARRO VELHO
NHEC, POF, POW, TUM, POROPOPÓ
DE CARRO VELHO VOU PASSEAR DEVAGARZINHO PRA ELE NÃO QUEBRAR
PORQUE O CARRO É BARULHENTO E OUVIR SEUS SONS É MEU DIVERTIMENTO.
PEGA A CHAVE PLIM PLIM PRA ABRIR A PORTA, PUXA COM FORÇA TRUNC TRUNC, ELA NÃO ABRE
E QUANDO ABRE NÃO QUER FECHAR, TEM DE BATER BLAM PRA ELA TRANCAR
GIRA O CONTATO PRA DAR A PARTIDA TEC, TEC, TENTA DE NOVO E ACABA A BATERIA TUVUUU
TEM DE DESCER PRA EMPURRAR E DAR UM TRANCO PRA ELE PEGAR, UFA
ABRE  A JANELA PRA ENTRAR O VENTO, VUU, MAS QUE TORMENTO ESTÁ EMPERRADA, TEC, TEC
ABRE COM A MÃO, PORQUE A MAÇANETA ESTÁ QUEBRADA.
O MOTOR É VELHO E ESTÁ ENGASGADO, PUF PUF DEIXANDO TUDO ESFUMAÇADO, COF COF 
O MOTOR VELHO É DIVERTIDO, É MUITO SOM NO MEU OUVIDO...
NHEC, PUF, POW, TUM, POROPOPÓ.
 Silvio Costta
CARRO VELHO: O PRIMEIRO CARRO FABRICADO COM 4 RODAS NO MUNDO FOI UM DAIMLER, isso em 1886. Seu inventor, um alemão chamado gottlieb Daimler era da cidade de Hamburgo e o carro era uma espécie de carroça com motor. isso que é um carro velho para os dias de hoje, porque na época era um carro novo, novíssimo! (os guris adoraram e não paravam mais de contar histórias... show!!!)
brincando de carro velho: essa brincadeira pode ser feita no chão da sala de aula(usamos as cadeiras das classes). você se senta e começa a imitar um carro velho. com todos os momentos da música você pode brincar: abrir a porta do carro, bater, ligar o carro e outras coisas. mais divertido é pedir para alguém te empurrar porque o carro velho está quebrado. quando o carro pegar, faça o som do motor e se esbalde.
Aqui, conversamos bastante sobre dramatização, algumas regras - não ficar de costas para o público, exagerar nas ações, pronunciar claramente as palavras, observar o espaço - exemplo: ao sair do carro, não atravessar a porta e sim abrí-la, dar a volta no carro e não através dele, enfim, foi uma introdução à dramatização e ao teatro escolar.
As apresentações foram ótimas!!!
Quem participou?
Os 3º, 4º e 5º anos, turmas 31, 32, 41, 42, 1 e 52 da E.M.E.F. Guerino Zugno. 

BIBLIOGRAFIA: COSTTA, Silvio, Brincando com os sons, SP, GIRACOR, 2010